Jogo após jogo, a fragilidade do sistema defensivo do Atlético fica mais escancarada. Com os quatro gols sofridos neste domingo na Ilha do Retiro, no empate por 4 a 4 contra o Sport, o Galo tem agora a segunda pior defesa do Campeonato Brasileiro, com dez gols sofridos, apenas um a menos que o Coritiba, que figura na zona de rebaixamento.

Das sete partidas disputadas pelo clube até agora, em somente em uma, contra o Santos, válida pela primeira rodada, o goleiro Victor não foi vazado. Depois disso, o time levou um do Atlético-PR, três do Grêmio, um do Vitória, um do Fluminense e agora quatro do Sport.

Para desespero do torcedor alvinegro, a tendência é que o clube sofra um pouco mais com o problema. Isso porque a dupla de zaga titular seguirá fora do time por mais algum tempo. O capitão Leo Silva se recupera de lesão, enquanto Erazo defende a seleção equatoriana na Copa América.

Na semana passada, a diretoria esteve muito perto de anunciar a contratação de Felipe Macedo, do Goiás, para tentar sanar o problema, mas o negociação com o clube esmeraldino não avançou e o Galo desistiu do jogador.

Leave a Reply

Your email address will not be published.

comentários